CONTEÚDO EXCLUSIVO

Este post é para você que está interessado em comprar um veículo ou imóvel.

A maioria das pessoas que estão neste momento de vida querem mais, é economizar com o financiamento, então leia este e-mail até o final pois vou detalhar como você pode fazer isso.

Caso você prefira esse mesmo conteúdo está disponibilizado no BLOG JFC CONSÓRCIOS e você pode ler diretamente por lá!

No caso do Imóvel: A chave da economia neste tipo de operação está no tamanho da entrada. Antes de embarcar em um financiamento deste tipo, é preciso estar ciente do alto custo dos juros na sua vida.

Ao financiar um imóvel popular de 200 mil reais em 25 anos, por exemplo, a diferença entre dar uma entrada de 10% ou de 50% custa 148 mil reais.

A mesma comparação aplicada a um imóvel de 750 mil reais gera uma economia de 398 mil reais.

“Fazer esse esforço prévio é economizar muito dinheiro. Além de pagar menos juros, você pode conseguir taxas de financiamento mais baixas”, orienta Marcela Kawauti, economista-chefe do SPC Brasil.

Uma outra dúvida que todos tem é: É melhor financiar pela Tabela Price ou pelo SAC?

Como você pode observar na simulação, o valor final que você paga no financiamento é maior pela Tabela Price, em que as parcelas são sempre as mesmas. Pelo SAC, o custo final do financiamento é menor, mas a desvantagem é que as percelas iniciais pesam mais no bolso.

No caso do Veículo: Depois que você decide que vai comprar um veículo, então você precisa determinar quanto dinheiro você está disposto a gastar para adquirir o carro.

Um fator de economia é a decisão de aquisição de um veículo novo ou usado. Para os veículos novos as taxas tendem a ser bem mais baratas.

Pesquisar o valor da prestação, entre o valor do financiamento oferecido na concessionária e o seu banco é fundamental para você fazer o melhor negócio possível.

Duas dicas super importantes:

  • Você tem duas propostas, taxa de 0,99% ao mês ou 1,6% ao mês, qual a melhor? Olhando superficialmente, todos me responderiam “taxa de 0,99% ao mês, é claro”. Mas aí ocorre o engano, pois além da taxa de juros, existem outras cobranças embutidas nas prestações, portanto pode acontecer de aquela proposta de juros a 1,6% ao mês ser  a melhor.
  • TAXA ZERO: Muito cuidado com esses anúncios, eles escondem cobranças inclusas na sua prestação, como: taxa de abertura de crédito, valor do boleto, e outros.

Após analisar todos os dados, agora você pode fechar o negócio, e financiar seu imóvel ou veículo na instituição que apresentou a melhor proposta, com a tranquilidade de que fez o melhor negócio!

Espero que essas dicas sejam úteis na sua jornada de compra do seu imóvel ou veículo.

Ainda vamos enviar alguns outros e-mails para você com dicas para você economizar na compra do seu imóvel ou veículo.

Comentários

Comentários